Infográfico: repercussão do ebola nas redes sociais

Nas últimas semanas, a epidemia de ebola tem ganhado relevância nos comentários em redes sociais. O AirStrip monitorou o que os internautas publicaram durante os dias 29 de setembro a 29 de outubro nas redes sociais, motivando 452.770 registros no Twitter (88%),Facebook (10%) e Instagram (2%).

Nas últimas semanas, a epidemia de ebola tem ganhado relevância nos comentários em redes sociais. O AirStrip monitorou o que os internautas publicaram durante os dias 29 de setembro a 29 de outubro nas redes sociais, motivando 452.770 registros no Twitter (88%),Facebook (10%) e Instagram (2%).

A data mais comentada foi dia 9 de outubro, quando apareceu uma suspeita de vírus na cidade de Cascavel, no Paraná. Além disso, 881 usuários comentaram não saber como o ebola é transmitido e 672 afirmaram estarem infectados pela doença.

Apesar da palavra “medo” ter sido citada em 9.778 posts, 40% do total do conteúdo gerado eram em tom de humor. De acordo com o perfil demográfico, as mulheres foram as que mais comentaram sobre o assunto, com 52%.

 

 

 

 

 

 

Via AdNews

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s