WPP faz acordo de cloud computing com IBM

Por US$ 1,25 bi, movimento de computação baseada em internet une dados da holding e pode facilitar lançamento de serviços e produtos.

WPP faz acordo de cloud computing com IBM por US$ 1,25 bi

O WPP investe US$ 1,25 bilhão em um contrato de sete anos com a IBM para utilizar o serviço de cloud computing da parceira. A empresa segue o passo de outras multinacionais que acertaram acordos similares nas últimas semanas, como ABN Amro e Lufthansa.

Pelos termos acertados, a IBM oferecerá sua plataforma de tecnologia e serviços “na nuvem” para que o WPP possa alocar e integrar os dados de suas centenas de agências e, possivelmente, aumentar produtividade e agilizar a entrega de produtos e serviços – muitos dos quais poderão ser oferecidos a partir da própria nuvem. A parceria ocorrerá em um modelo chamado cloud híbrida – pelo qual parte dos dados, provavelmente mais estratégicos, seguirá nos data centers das agências e outra parte migrará para a nuvem.

O WPP diz que tem como principais objetivos expandir o uso de big data e analytics dentro da rede, facilitar o processo criativo, agilizar o lançamento de produtos e serviços de comunicação, horizontalizar os processos e aumentar a colaboração entre as marcas do WPP.

A cloud computing costumava ser adotada por empresas menores ou startups, que não viam problema no modelo cloud pública, em que todos os dados ficam na nuvem e os serviços são executados a partir dali. Empresas de porte maior e complexas, como é o caso do WPP, já possuem sistemas integrados de dados, além de segurança e governança próprias. Por isso, o modelo híbrido, que mantém alguns dados escondidos em casa, e coloca outros na nuvem, tem sido o mais procurado pelas grandes. Alguns dos benefícios típicos da cloud computing são maior proteção a vírus e ataque de hackers, e redução de custos com armazenamento de dados, que antes ficavam em servidores internos, pen drives ou nos computadores locais, além de maior controle sobre dados e a própria gestão da empresa.

O WPP iniciou em 2012 um grande projeto de consolidação de sua estrutura de TI – que inclui diversas aquisições nos setores de gerenciamento de dados, analytics e tecnologia. Suas metas são aumentar a efetividade operacional (com cortes de custos desnecessários) e ter maior profundidade de análise de dados. Em 2014, o WPP criou o cargo de CIO, ocupado por Robin Dargue.

 

 

 

 

 

Via Proxxima

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s